Tudo por Sexo: a vida dos Bonobos (Parte I)


Os bonobos são uma espécie de primata, "primos dos chimpanzés",  que só foi identificada em 1929, num museu colonial belga depois da análise de um pequeno crânio que se acreditava pertencer a um chimpanzé jovem. Fisicamente eles são bem diferentes: seu corpo é esguio e elegante, o pescoço é fino, as mãos são compostas por dedos finos e longos, a cabeça é relativamente pequena com um “penteado” negro repartido ao meio, a face é preta, as orelhas pequenas, os lábios avermelhados e as fêmeas têm seios pequenos, mas arredondados, diferentemente dos outros primatas que têm peito em tábua. As pernas são mais longas que as do chimpanzé e, quando eretos, lembram muito a postura humana.

Os bonobos são primatas tranquilos, sensíveis, brandos, pacíficos, vegetarianos e que pulam entre as árvores. Seu comportamento muitas vezes é marcado pelo erotismo frequente. Uma das características mais curiosas e que ocorre entre as fêmeas, especialmente quando se conhecem ou tentam resolver um conflito, é a fricção genital. Ao se encontrarem, elas sentam, se agarram frente a frente com as pernas abertas, e friccionam os clitóris e vulvas com movimentos laterais, ritmicamente. Emitem gritinhos agudos e mostram os dentes de orelha a orelha, deixando bem claro que o prazer sexual faz parte desses “encontros entre amigas”.

Quando a fêmea atinge a puberdade, ela deixa o seu grupo original na floresta e segue para encontrar outro bando. Os machos ficam no grupo e usufruem da proteção e acolhimento materno por um bom tempo, principalmente se a mãe tiver uma posição hierárquica elevada.

Digamos que eles são uma espécie de “eterno garotinho da mamãe” dos primatas. Mas vale aclarar que a violência também ocorre quando as fêmeas atacam por motivo de alimento, de território, ou de proteção ao filhote. Nesses casos, é melhor sair de perto, porque se forma uma verdadeira bola peluda de braços, pernas e cabeças entre socos, tapas, empurrões e mordidas. E dessa confusão, é sempre o pobre macho que sai machucado.

Gostou? então, aguarde a Parte II com mais detalhes "picantes" sobre a vida sexual destes simpáticos peludos das árvores...
 


Enquete

Quantas vezes você já se apaixonou?